sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Do lado de lá


Porque nunca te esqueço

e hoje lembrei-me

acordei convicta de que tinha

que te telefonar

saber de ti


Saberás mais tu de mim

no silêncio do telefone

se é verdade o que dizem

sobre o lado de lá

4 comentários:

Luis Bento disse...

Soberbo, subtil... Curios, também eu me debrucei sobre a ideia Morte/dormir...

Sintonias.

je disse...

:-)

Isabel disse...

Eu acredito que, de alguma forma sabem de nós, os que amamos, e que já estão do lado de lá.

je disse...

é também a minha crença, Isabel :-)